28/01/2017
“Encarnados” voltam a sorrir com triunfo sobre o Eléctrico
CAB bate Ovarense e Illiabum leva a melhor nos Açores

A jogar em casa, o SL Benfica venceu o Eléctrico F.C. por 104-66, subindo assim, provisoriamente, à liderança da Liga Placard, estatuto que perdeu na última semana.

Os “encarnados” obtiveram um resultado por uma margem confortável, num desafio marcado pelo regresso de Damian Hollis após lesão.

 

Por seu turno, o CAB Madeira bateu a Ovarense Dolce Vita por 91-76, ao passo que o Illiabum Clube levou a melhor sobre o Lusitânia, nos Açores (78-82).

Embora o Benfica tenha vencido com uma vantagem dilatada, a verdade é que no primeiro período se assistiu a bastante equilíbrio, com o Eléctrico a alcançar, inclusivamente, um parcial de 0-10, sendo que após os dez minutos iniciais o resultado era de 20-19.

Mas no segundo quarto, as “águias” começaram a distanciar-se, num encontro em que o adversário ribatejano, apesar da superioridade na luta das tabelas, acabou por cometer muitos turnovers e por não resistir ao jogo exterior dos donos da casa, que ainda viveram dos muitos pontos vindos do banco.

Ao intervalo, o marcador registava um 47-39, para depois a turma da Luz dissipar todas as dúvidas, cavando um avanço inultrapassável para o Eléctrico, traduzido num resultado final de 104-66.

Em termos estatísticos, no Benfica, destacaram-se Carlos Morais (17 pontos e 5 faltas provocadas), Damian Hollis (16 pontos e 4 ressaltos), Derek Raivio (13 pontos, 4 assistências e 3 faltas provocadas), Nuno Oliveira (12 pontos, 3 ressaltos e 5 roubos de bola), Raven Barber (11 pontos, 6 ressaltos, 3 desarmes de lançamento e 4 faltas provocadas) e Mário Fernandes (11 pontos e 5 assistências), enquanto no conjunto ribatejano sobressaíram Kevin Coronel (14 pontos e 5 ressaltos), João Lanzinha (13 pontos, 4 ressaltos e 7 faltas provocadas), Diogo Ventura (11 pontos e 3 assistências) e Mário Neves (7 pontos, 12 ressaltos e 4 assistências).

 

CAB aproxima-se da Ovaresense

Com um triunfo caseiro por 91-76 sobre a Ovarense Dolce Vita, o CAB Madeira colocou-se a apenas um ponto da turma vareira.

No final do primeiro período, a formação de Ovar até vencia por 18-19, mas um forte segundo quarto deixou a o CAB definitivamente na liderança.

No conjunto insular, há que ressalvar as atuações de Arvydas Gydra (24 pontos, 5 ressaltos, 4 assistências e 4 roubos de bola), Alex Marzette (20 pontos, 6 ressaltos, 4 assistências e 5 faltas provocadas) e Stefan Djukic (15 pontos, 13 ressaltos, 4 assistências e 3 faltas provocadas), sendo que na Ovarense estiveram em melhor plano Bryce Douvier (22 pontos e 10 ressaltos), Nick Novak (16 pontos, 4 ressaltos, 8 assistências e 5 faltas provocadas) e João Fernandes (8 pontos, 5 ressaltos, 3 assistências e 5 faltas provocadas).

 

Illiabum derrota Lusitânia e soma segunda vitória consecutiva

Nos Açores, o Illiabum Clube obteve o segundo triunfo seguido, depois de ultrapassar o Lusitânia por 78-82, posicionando-se assim no quinto lugar, embora provisoriamente.

Os comandados de Ricardo Vasconcelos até perdiam ao intervalo (42-36), mas uma forte segunda parte permitiu a reviravolta da equipa de Ílhavo.

Quanto à estatística, no Illiabum, de relevar as prestações de Rashad Bishop (17 pontos, 7 ressaltos, 3 assistências e 7 faltas provocadas), Nikola Tadic (16 pontos, 9 ressaltos, 3 roubos de bola e 4 faltas provocadas), Christopher Johnson (16 pontos) e Augusto Sobrinho (12 pontos e 3 assistências), ao passo que nos donos da casa o destaque vai para Anthony Holliday (19 pontos), Filip Simic (14 pontos, 3 ressaltos, 4 assistências e 4 faltas provocadas), Rick Cardoso (13 pontos e 11 ressaltos), Garrius Holloman (12 pontos e 6 ressaltos) e Christopher Matagrano (10 pontos e 3 faltas provocadas).



Autor: FPB
Fonte: FPB


Imagens




Anexos


Último(s) comentário(s)




Conteúdos relacionados
Relações


Veja também:


PATROCINADORES E PARCEIROS
Parceiros Institucionais
Parcerias