Clássico decidido no fim

Última jornada da segunda fase da Liga Betclic Masculina

Imagem de Destaque 1 Imagem de Destaque 2 Imagem de Destaque 3 Imagem de Destaque 4 Imagem de Destaque 5 Imagem de Destaque 6 Imagem de Destaque 7 Imagem de Destaque 8 Imagem de Destaque 9 Imagem de Destaque 10 Imagem de Destaque 11 Imagem de Destaque 12 Imagem de Destaque 13 Imagem de Destaque 14 Imagem de Destaque 15 Imagem de Destaque 16 Imagem de Destaque 17 Imagem de Destaque 18 Imagem de Destaque 19
Competições
30 ABR 2022

Na sexta e última jornada da segunda fase do campeonato, SL Benfica, Sporting CP, CAB Madeira, CD Póvoa, Ovarense GAVEX e Illiabum triunfaram e fecharam a classificação dos respetivos grupos.

 

Grupo A

O Dragão Arena acolheu o clássico entre FC Porto e Sporting CP, um embate entre duas formações que procuravam o segundo lugar da classificação no Grupo A. Num encontro de elevada intensidade, os dois conjuntos trocaram lideranças ao longo dos dois primeiros quartos, com os “dragões” a assumirem a liderança o intervalo.

Apesar da vantagem no lançamento exterior (39% contra 25%), os “azuis-e-brancos” não conseguiram segurar a diferença e permitiram que os “leões” passassem para a dianteira. Os comandados de Moncho Lopez reagiram e o último quarto voltou a ver trocas de liderança, com as duas equipas a chegaram a empates sucessivos. Nos últimos minutos, Miguel Maria Cardoso mostrou sangue-frio da linha de lance livre e deu a vitória ao Sporting por 71-70.

Max Landis (21pts, 2ast) e Rashard Odomes (14pts, 6res, 2ast) estiveram em destaque no emblema portista, e Joshua Patton (17pts, 3res, 3ast), Travante Williams (13pts, 3res, 4ast, 1rb, 2dl) e Daniel Relvão (11pts, 2res) na formação de Alvalade.

 

Em Oliveira de Azeméis, o SL Benfica bateu a UD Oliveirense por 87-57. Num embate em que as duas equipas entravam com a respetiva classificação definida, o conjunto da casa marcou primeiro e os minutos iniciais foram disputados de parte a parte. Contudo, um parcial de 13-4 a fechar o primeiro período deu início ao triunfo “encarnado”, com os comandados de Norberto Alves a dominarem até ao fim.

Na Oliveirense, Zane Waterman (23pts, 7res, 1ast, 3rb) e Derrick Colter (14pts, 3ast, 1rb) foram os mais esclarecidos, enquanto no emblema lisboeta, Travis Munnings (15pts, 5res, 2ast, 2rb), Makram Romdhane (12pts, 5res, 4ast, 1rb, 1dl) e José Silva (12pts, 1ast, 1rb) estiveram em destaque.

 

Grupo B

No Grupo B, o CAB Madeira venceu o duelo insular contra o Lusitânia EXPERT (104-81), concluindo a segunda fase na primeira posição do seu grupo e no 5.º lugar da tabela geral. Numa partida em que os visitantes mostraram pontaria no lançamento exterior (52% contra 18%), a formação madeirense esteve na frente do marcador durante a maior parte do encontro e conseguiu fazer crescer a sua vantagem ao longo dos 40 minutos, em parte graças à mão quente de Fredrick Thomas, que assinou um máximo de carreira.

Na equipa açoriana importa mencionar as exibições de Amenhotep Abif (21pts, 3res, 1ast, 2rb) e Fernando Ferreira (18pts, 6res, 3ast, 1rb, 1dl). Já no CAB Madeira, Fredrick Thomas (41pts, 9res, 3ast, 2rb, 1dl) esteve imparável.

 

Já na Póvoa de Varzim, o CD Póvoa venceu o Imortal LUZiGÁS (71-70) numa partida decidida, novamente, no soar da buzina. Num embate equilibrado do ponto de vista estatístico, o conjunto poveiro chegou a liderar por 12 pontos durante o segundo quarto, mas permitiu a reação algarvia e ao intervalo o marcador assinalava uma igualdade a 35 pontos.

Após o descanso o emblema de Albufeira não tirou o pé do acelerador e atingiu os 17 pontos de vantagem ainda durante o terceiro quarto. Contudo, o Póvoa seguiu o exemplo do Imortal e respondeu, anulando a vantagem ao longo dos últimos dez minutos. A perder por dois e a menos de dez segundo do final, Diego Kapelan lançou de fora e levou à loucura os adeptos da equipa da casa.

Nakye Sanders (17pts, 10res, 3ast, 2rb, 2dl) e Diego Kapelan (17pts, 4res, 2ast, 2rb) foram as figuras do Póvoa, enquanto Fábio Lima (22pts, 4res, 1rb) e Tymetrius Toney (19pts, 10res, 2ast, 1rb) assumiram destaque no Imortal.

 

Grupo C

A Ovarense GAVEX ultrapassou a oposição da Académica EFAPEL (84-59) e somou o 5.º triunfo consecutivo na segunda fase. O conjunto de Ovar esteve na frente do marcador durante todo o encontro e foi contruindo a sua vantagem ao longo da partida, com boa eficácia da linha de lance livre (71% contra 50%) e nas zonas junto ao cesto (66%-50%).

Kendall Jacks (12pts, 4res, 1rb) e Nikola Vujovic (10pts, 6res, 2ast) foram os mais inconformados nos “estudantes”, e Gustavo Teixeira (17pts, 3res, 5ast, 5rb) e Tyere Marshall (12pts, 8res, 1ast) comandaram a Ovarense.

 

Por fim, em Aveiro, o Illiabum Clube recebeu e venceu o Vitória SC (78-71) num regresso aos triunfos após a derrota na 5.ª jornada. A equipa visitante esteve em bom plano durante os minutos iniciais da contenda, mas não demorou até o conjunto da casa passar para a dianteira. Com vantagem na luta das tabelas, o emblema de Aveiro chegou a liderar por 19 durante o terceiro quarto, mas o último período viu a reação dos vimaranenses, que ainda conseguiram reduzir o diferencial.

Os grandes destaques no Illiabum foram Lamar Morgan (17pts, 7res, 1ast, 2rb) e Tahjai Teague (15pts, 9res, 3ast). Danjel Purifoy (14pts, 3res) foi o mais esclarecido no conjunto de Guimarães.

Competições
30 ABR 2022

Mais Notícias