Landis “dá” vitória ao FC Porto sob o soar da buzina em Guimarães

Benfica, Póvoa, Oliveirense e Lusitânia também sorriram na Liga Betclic Masculina

Imagem de Destaque 1 Imagem de Destaque 2 Imagem de Destaque 3 Imagem de Destaque 4 Imagem de Destaque 5 Imagem de Destaque 6 Imagem de Destaque 7 Imagem de Destaque 8
Atletas | Competições
21 JAN 2023

Com um triplo sensacional, sob o soar da buzina, Max Landis “deu” o 10.º triunfo consecutivo ao FC Porto na Liga Betclic Masculina, diante do Vitória SC. Os “dragões” ganharam por 85-83, enquanto o SL Benfica levou a melhor no Algarve, frente ao Imortal LuziGás, e o CD Póvoa ESC Online ultrapassou o CAB Madeira. A UD Oliveirense recebeu e venceu o Sangalhos DC Boomerang, já o SC Lusitânia Expert bateu o Esgueira Aveiro OLI na visita ao continente.

O FC Porto, líder do campeonato, teve de suar, e de que forma, para somar dois pontos na cidade-berço. Até sensivelmente a meio do segundo quarto o embate foi equilibrado, mas depois os “conquistadores” viriam a assumir o controlo das operações. Com parciais de 27-14 e 14-12, o Vitória entrou nos derradeiros 10 minutos com uma vantagem de 12 pontos (62-50) e continou na frente até bem perto do final. Graças a um último quarto de alto nível, traduzido num parcial de 35-21, os “dragões” arrancaram um triunfo, consumado com um fantástico triplo de Max Landis no último suspiro. O FC Porto obteve nove lançamentos certeiros de três pontos e tirou partido das exibições do já mencionado Landis (27pts, 4/8 2P, 7/7 LL, 1res, 1ast, 1rb) e Michael Finke (15pts, 3/5 3P, 4/4 LL, 5res), ao passo que no emblema minhoto sobressaíram Phlandrous Fleming (16pts, 5/10 2P, 6/6 LL, 8res, 5ast, 3rb, 2dl), “Litos” Cardoso (14pts, 2/3 3P, 6/7 LL, 2res, 3ast), Jacob Tubbergen (13pts, 5/10 2P, 5res, 2ast), Zachary Simmons (12pts, 4/7 2P, 4/4 LL, 7res, 1rb), Saiquan Jamison (11pts, 4/6 LL, 8res) e Pedro Bastos (10pts, 2/2 LL, 1res).

Já o Benfica, que ocupa o segundo posto da classificação, ganhou no reduto do Imortal por 112-94, num duelo com elevada pontuação. O primeiro quarto acabou por ser decisivo a favor das “águias”, que não estiveram pelos ajustes ao aplicarem um parcial de 42-23. O avanço do campeão nacional nunca baixaria dos dois dígitos, numa partida em que registou 63% de eficácia (26/41) da linha de dois pontos e 24 lances livres certeiros num total de 30. Ivan Almeida (24pts, 4/4 2P, 5/8 3P, 2res, 4ast, 1rb), Toney Douglas (22pts, 4/5 2P, 3/4 3P, 5/6 LL, 4res, 4ast, 2rb), Aaron Broussard (15pts, 6/6 LL, 4res, 5ast, 3rb), Terrell Carter (11pts, 4/6 2P, 3/4 LL, 5res, 1ast, 1dl), João “Betinho” Gomes (11pts, 5/5 LL, 3res, 2ast, 1rb) e Maik Zirbes (10pts, 5/8 2P, 2res) tiveram sinal mais no Benfica, enquanto Spencer Littleson (24pts, 3/3 2P, 6/10 3P, 3res, 4ast, 2rb), Marquise Moore (17pts, 5/8 2P, 7/10 LL, 2res, 5ast, 1rb), Mojeed Ewuosho (16pts, 4/4 LL, 4res, 2ast) e Jaques Conceição (15pts, 5/7 2P, 2/2 LL, 2res, 2ast, 2rb).

A norte, o Póvoa bateu o CAB por 78-70. A formação poveira nunca teve de correr atrás do prejuízo e, já no último quarto, chegou a dispor de uma vantagem de 16 pontos. O Póvoa marcou oito triplos e os seus maiores protagonistas foram Cameron Oluyitan (21pts, 3/6 3P, 6/7 LL, 5res, 1ast, 1dl), Sherwood Brown (13pts, 3/5 2P, 4res, 1ast, 1rb), Nuno Oliveira (12pts, 4res, 1ast) e Federico Ucles (15res), enquanto no opositor insular estiveram em foco Nuno Sá (19pts, 4/6 2P, 15res, 2ast, 1rb), Matthew Johnson (18pts, 7/13 2P, 4/5 LL, 13res, 2ast, 2rb, 1dl), Michael Almonacy (16pts, 7/9 LL, 2res, 2ast, 2rb) e Charles Speelman (11pts, 9res, 1rb).

A Oliveirense somou o segundo triunfo consecutivo na Liga Betclic diante do Sangalhos (75-54), depois de ter começado melhor a partida disputada no Pavilhão Salvador Machado. Ao parcial de 17-11 no primeiro quarto, seguiu-se o parcial de 18-13 antes do intervalo, números que davam uma vantagem confortável ao conjunto unionista. A entrada na segunda metade viu a melhor versão da equipa da casa que voltou a dar nova “sapatada” no marcador e a fechar a partida com 21 pontos de vantagem. Na equipa da casa destaque para Julien Ducree (21pts, 6res, 2rb, 2dl), Darius Carter (11pts, 7res, 1ast, 1rb) e Troy Simons (12pts, 2res, 3ast, 3rb, 1dl), enquanto no Sangalhos sobressaíram Jerónimo Luís (12pts, 6res), Nikita Kasongo (12pts, 6res, 2rb, 1dl) e Tiago Andrade (10pts, 3res, 2ast).

Depois de se encontrarem em partida a contar para a Taça de Portugal Alfaloc, Esgueira e Lusitânia voltaram a defrontar-se dentro das quatro linhas, coma  equipa açoriana a vingar a derrota sofrida na primeira volta do campeonato (84-92). Depois de liderar nos primeiros minutos do encontro, o Esgueira viu o Lusitânia superiorizar-se e passar para a frente do jogo. A vencer por 39-51 ao intervalo, a equipa insular ainda teve de aguentar o parcial positivo dos homens da casa no final do 3.º quarto, mas nunca mais desarmou da liderança da partida. Com este triunfo, o Lusitânia – que tem menos um jogo disputado que os adversários diretos – aproxima-se do sexto posto do campeonato. No Esgueira brilharam Pedro Catarino (27pts, 3res, 4ast, 4rb), Ryan Ogden (20pts, 9res, 4ast, 3rb, 1dl) e Alexander Kappos (14pts, 1res, 1ast, 1dl), já os açorianos contaram com a inspiração de Justin Davis (24pts, 6res, 5ast, 2rb), Deng Geu (23pts, 6res, 4rb, 1dl) e Derek Jackson Jr. (16pts, 3res, 6ast, 3rb).

Atletas | Competições
21 JAN 2023

Mais Notícias