Porto, Oliveirense, Ovarense e Esgueira entram a vencer na Liga Betclic Masculina

Primeira jornada conta com dois jogos adiados

Imagem de Destaque 1 Imagem de Destaque 2 Imagem de Destaque 3 Imagem de Destaque 4 Imagem de Destaque 5 Imagem de Destaque 6 Imagem de Destaque 7 Imagem de Destaque 8 Imagem de Destaque 9 Imagem de Destaque 10 Imagem de Destaque 11 Imagem de Destaque 12 Imagem de Destaque 13 Imagem de Destaque 14 Imagem de Destaque 15 Imagem de Destaque 16 Imagem de Destaque 17
Competições
24 SET 2022

No jogo que abriu a Liga Betclic Masculina 2022-23, o FC Porto recebeu e superou o CAB Madeira, por 88-62, na estreia em jogos oficiais de Fernando Sá como novo treinador dos “azuis e brancos”. Só na segunda parte do encontro os “dragões” conseguiram impor-se e construir uma diferença confortável no marcador, triunfando por 26 pontos de vantagem.

Miguel Maria Cardoso brilhou no primeiro jogo da temporada, ao somar 18 pontos, 4 ressaltos, 6 assistências e um roubo de bola. O base internacional português foi bem acompanhado por Max Landis (16pts, 2res, 4ast, 1rb), Keven Gomes (11pts, 6res, 2ast), Danjel Purifoy (9pts, 7res, 1ast, 1dl) e Miguel Queiroz (8pts, 12res, 3ast).

Pelos insulares, destaque para Michael Almonacy (13pts, 3res, 2ast, 1rb), Nuno Sá (11pts, 4res, 2rb), Matthew Johnson (10pts, 5res, 2rb) e Amen Cheeseman (10pts, 3res).

 

Em Guimarães, a UD Oliveirense bateu o Vitória SC (104-86) e entrou da melhor forma na nova época. Os dois primeiros quartos foram marcados pelo equilíbrio entre as duas formações, com várias trocas de liderança.

O intervalo fez bem à equipa de Oliveira de Azeméis, que impôs o seu jogo e conseguiu um confortável triunfo por 18 pontos na primeira jornada da Liga Betclic Masculina. O poste norte-americano, Julien Ducree (22pts, 9res, 3rb, 1dl), foi a grande figura da Oliveirense, seguido por Elijah Wilson (25pts, 5res, 5ast, 2rb). Na formação vimaranense, Anthony Roberts (25pts, 5res, 2ast, 1rb) esteve em bom plano.

 

A Ovarense GAVEX recebeu e venceu o Póvoa ESC Online por 88-70 num encontro de momentos distintos. A formação da Póvoa de Varzim entrou melhor e esteve na dianteira do marcador durante o primeiro quarto e grande parte do segundo. Contudo, a equipa da casa começou a crescer e ao intervalo já consumara a reviravolta e vencia por dez pontos de diferença. Com vantagem no lançamento exterior (46% contra 22%) e na zona pintada (34 pontos contra 26), o conjunto de Ovar foi dilatando a vantagem até final.

Benjamin Okhotin (22pts, 6res, 2ast), Jordan Robertson (18pts, 1res, 3ast, 1rb, 2dl), Jacoby Armstrong (15pts, 4res, 1ast) e Brandon Peel (15pts, 5res, 1ast, 1rb) lideraram a Ovarense rumo ao triunfo, enquanto Cameron Oluyitan (13pts, 2res, 3rb 1dl), Diogo Gomes (12pts, 2res, 2ast), Federico Ucles (12pts, 6res) e João Embaló (10pts, 9res, 1rb, 2dl) foram os mais esclarecidos no Póvoa ESC Online.

 

No último jogo do dia, o Esgueira AVEIRO OLI ultrapassou o Imortal LUZiGÁS por 93-78. A equipa da casa entrou melhor mas os visitantes depressa deram a volta e assumiram a liderança. A formação de Aveiro respondeu e as duas equipas trocaram lideranças nos minutos que antecederam o intervalo, com o Esgueira a partir para o descanso a vencer por cinco pontos. A toada não mudou no terceiro e quarto períodos, com os recém-promovidos e vencedores da última edição da Proliga a dilatarem a vantagem até final.

Com 24 pontos, 9 ressaltos, 2 assistências, 3 roubos de bola e 1 desarme de lançamento, Ryan Ogden destacou-se pelo Esgueira, mas também é importante mencionar as exibições de Trevon Evans (17pts, 2res, 2ast) e Kobi Nwandu (15pts, 4res, 11ast). Na formação algarvia destacaram-se Spencer Littleson (19pts, 1res, 3ast, 2rb) e Emanuel Sá (15pts, 7res, 1ast).

Competições
24 SET 2022

Mais Notícias