Emblema em busca do regresso aos títulos defronta detentor da Taça

GDESSA e Benfica lutam por troféu este domingo

Imagem de Destaque 1
Atletas | Competições
6 MAR 2022

GDESSA Barreiro e SL Benfica são os finalistas da Taça de Portugal Skoiy 2021-22, num grande embate que vai decorrer este domingo (17h, transmissão na RTP2 e FPBtv).

O GDESSA, que até agora eliminou o Maia Basket, Imortal Tcars e CAB Madeira, é o quarto classificado da Liga Betclic Feminina, já conquistou a Taça de Portugal em três ocasiões, a mais recente das quais em 2017, último ano em que conquistou título. Do outro lado surge o Benfica, equipa até agora invencível esta época, no basquetebol nacional, líder do campeonato, detentora desta competição e que chega a esta final depois de deixar pelo caminho o Boa Viagem Angra Açores, Sportiva AzorisHotels e Esgueira Aveiro OLI. De referir que ambas as equipas mediram forças para esta edição da Liga Betclic uma vez, com a vitória a sorrir ao Benfica por 77-72, na Luz.

A formação da margem sul do Tejo, que é a equipa que mais pontos marca por jogo na Liga, marcou 14 lançamentos para lá da linha de 3 pontos no jogo das meias-finais, tendo convertido 50% das suas tentativas. A equipa do Barreiro tem marcado uma média de 8.0 triplos, com um aproveitamento de 31.6% do seu total de lançamentos para lá da linha de 6.75m, ambos os melhores registos na Liga Betclic Feminina esta temporada.

Por seu turno, Márcia Costa marcou 25 pontos no jogo frente ao CAB Madeira, tendo sido a jogadora com mais pontos marcados nos dois jogos das meias-finais da Taça de Portugal Skoiy. A internacional portuguesa somou ainda oito assistências e quatro ressaltos, enquanto Leonor Serralheiro distribui uma média de 5.9 assistências por jogo, sendo que nenhuma outra jogadora regista mais assistências por partida do que a base no campeonato.

Já as “águias” procuram conquistar a Taça de Portugal em épocas consecutivas, algo que ninguém conseguiu nas últimas sete temporadas. O Benfica sofreu 70 ou mais pontos em apenas dois dos seus 23 jogos oficiais em todas as competições esta temporada, com um dos adversários a conseguir fazê-lo a ser, precisamente, o GDESSA, na já citada partida da primeira volta do campeonato.

O clube da Luz ganha uma média de 13 ressaltos ofensivos por jogo, o segundo melhor registo entre todas as equipas da Liga Betclic Feminina esta temporada. Apenas a Quinta dos Lombos está à frente do Benfica (13.4).

Taylor Peacocke foi a melhor marcadora do Benfica no jogo das meias-finais, tendo convertido 14 pontos, incluindo três triplos (3/5 – 60%). A norte-americana marcou na casa das dezenas nos seus últimos seis jogos em todas as competições, sendo esta a sua melhor sequência desde que chegou ao basquetebol português.

O SL Benfica ganha uma média de 13.0 ressaltos ofensivos por jogo, o segundo melhor registo entre todas as equipas na Liga Betclic Feminina esta temporada, sendo que apenas a Quinta dos Lombos ganha mais do que as Encarnadas (13.4).

 

Atletas | Competições
6 MAR 2022

Mais Notícias